Vou tentar inventar um submersível amarelo

Preparem-se para acabar com as desculpas e toca a fazer.
Do princípio ao fim, todas as etapas...
Responder
José Franco da Costa
Capitão de Fragata
Capitão de Fragata
Mensagens: 447
Registado: segunda out 16, 2006 10:29 pm
Localização: Caparica

Mensagem por José Franco da Costa » sábado jan 12, 2008 3:44 pm

Vamos então fazer o sistema de controlo das manobras de imersão / emersão do SAD. :D :D

Deste sistema fazem também parte o pack de alimentação de energia e o tanque do lastro líquido (um saco é o que ele é, na realidade ... :D), as suas ligações hidráulicas e a bomba de água.

Tudo isto já foi abordado anteriormente. :roll:

Falta agora apenas o conjunto electro-mecânico que controlará o arranque e paragem da bomba e alternará a polaridade da corrente que chega aos bornes da bomba. Pretende-se, portanto, construir uma montagem que alterando a polaridade da alimentação eléctrica da bomba de água, a faça, conforme nós comandamos, encher ou despejar o saco do lastro líquido. :D :D

A ideia é comandar todo o sistema pelo canal 4 do rádio (para os aeromodelistas é o da deriva, para os nautimodelistas é o comando correspondente ao movimento transversal do stick do motor ou da vela, e para os que já sabem isto tudo ... as minhas desculpas :oops: ). A lógica que utilizei foi a seguinte: mover o stick para a esquerda (para fora): esvaziar o tanque. Portanto, mover o stick para a direita (para dentro), irá encher o tanque, claro!!!! :D

Para o efeito precisamos de um pedaço de acrílico, de dois micro switches para controlo da bomba e, opcionalmente, de outros dois micro switches de menor amperagem para controlo de um led intermitente que acenderá sempre que se comande o arranque da bomba de água; de um servo e de algumas ferramentas e materiais comuns a este hobby.

É claro que os dois micro switches mais pequenos e o led intermitente não são essenciais ao funcionamento da bomba. É só uma graça e uma segurança: dispomos de um meio de ficarmos a saber se o sinal rádio está a chegar ao SAD ... :D :D

Então para começar, há que abrir a caixa para alojar o servo de forma a que ele fique mais ou menos centrado no pedaço de acrílico.

DICA:
As dimensões da bancada devem ser ligeiramente menores que a largura da secção do corpo do SAD na zona e na altura em que ela ficará instalada.

sad bomba 001.jpg
sad bomba 003_edited.jpg
Não havendo melhor solução, pode-se recortar vários pedaços de acrílico para, depois de colados uns aos outros, servirem de calços para os servos.

DICA:
Usem cola e parafusos nas ligações dos calços á base do conjunto e do micro switch ao calço. Escolham parafusos que perfurem todas as camadas usadas na construção do calço. Garantam que o conjunto fica todo bem seguro e estável.


Aqui têm um calço ainda em (muito) tosco:
sad bomba 005.jpg
Depois, aponta-se o servo e ensaia-se o funcionamento do disco de transmissão dos movimentos do pinhão do servo sobre os micro switches. Haja paciência que esta manobra vai ser feita muitas vezes ... :D :D

A alternativa ao uso do disco é a estrela e essa é bem mais difícil de trabalhar para satisfazer as nossas necessidades.

Comandando o servo via rádio faz-se a marcação na bancada das posições da coroa em três situações de comando do stick do emissor: em repouso, todo à direita e todo à esquerda.

DICAS:
Os servos alimentam-se no intervalo de 4,5 a 6 volts. Cuidado ...
Convém que a alavanca do micro switch seja pressionada - mas não empurrada - pelo movimento do servo.
Deve ficar a trabalhar leve. Caso contrário, vão instalar-se forças no servo e nos calços completa e absolutamente desnecessárias. Vá lá, mais paciência ... e mais lixa, pois claro! :J

sad bomba 002_edited.jpg
sad bomba 006_edited.jpg
sad bomba 007_edited.jpg
sad bomba 004_edited.jpg
Arrumada a questão do movimento das alavancas dos micro switches da bomba, recortam-se mais pedaços de acrílico para colar - agora pela face superior do disco - para comando dos micros mais pequenos.

Poder-se-ia usar um único micro switch para comando do led intermitente. Bastava colocá-lo de forma a que alimentasse o led quando o servo deixava de estar na posição neutra. Não optei por essa solução porque os micro switches são baratos (0,75€), porque o circuito assim fica mais “claro” (quero dizer mais facilmente compreensível) e porque vamos precisar da acção do servo quando na posição neutra.

Portanto, os movimentos do servo farão accionar simultaneamente, ora de um lado ora de outro, a alavanca dos micro switches do comando da bomba e a do micro que controla a iluminação do led acima referido.

As várias fases de afinação da posição dos pedaços de acrílico no disco são idênticas às já descritas para os comandos da bomba.

Aqui está o conjunto mais completo e já preto baço ... :
sad bomba 013.jpg
e em pormenor:
sad bomba 023_edited.jpg
sad bomba 024_edited.jpg
sad bomba 026_edited.jpg
Estas tarefas descritas como o fiz, parecem fáceis e de rápida execução. Isso, porém, é puro engano. Fazer isto é uma trabalheira das antigas ... O trabalho não rende nada ...

São horas a recortar peças minúsculas, a colar, a afinar movimentos através do comando do emissor, a corrigir, a lixar, a afinar, a esperar que a cola endureça, etc... etc...e ainda por cima depois de colocar o conjunto no modelo, ele não se vai ficar a ver ... É mesmo masoquismo puro, mas – como todos nós que somos modelistas sabemos – é destas peças e trabalheiras que tiramos um gozo muito especial ... :D :D

Brevemente, continuarei a construção desta peça. Ainda não acabou, não! :oops: :oops: :mrgreen: :mrgreen:

:neutral6: :neutral6: :neutral6:

[ editado por pjesus a 30/07/2018 com permissão do autor, para carregar as imagens em falta ]
Não tem Permissão para ver os ficheiros anexados nesta mensagem.
Cumprimentos,

José Franco da Costa

Avatar do Utilizador
Miguel Parente
Almirante
Almirante
Mensagens: 4388
Registado: quarta ago 30, 2006 3:46 pm
Localização: Penedo/Sintra
Contacto:

Mensagem por Miguel Parente » domingo jan 13, 2008 5:00 am

Boas,

UI...................... :Duvida: :Desvairado:

Pjesus, se fores para a frente com este projecto, guardo-te uma bomba (a outra é do Manuel Barros).
José Franco da Costa, força nisso, que hei-de ter um submersível!!!!!! :roll:

Saudações náuticas
miguel

José Franco da Costa
Capitão de Fragata
Capitão de Fragata
Mensagens: 447
Registado: segunda out 16, 2006 10:29 pm
Localização: Caparica

Mensagem por José Franco da Costa » domingo jan 13, 2008 10:48 am

Pois é Miguel. Como sabes bem gostaria que alguns membros se entusiasmassem ao ponto de virem a fazer um submarino. :D :D

Não tem que ser uma cópia do SAD. :oops: :oops: A forma do casco é o menos ... Basta que utilizem as técnicas aqui registadas. ;-) ;-)

Conto contigo na aventura! ;-) ;-) De resto, vamos a ver no que isto dá ... :roll: :roll: :roll:
Cumprimentos,

José Franco da Costa

Avatar do Utilizador
Skipper
Contra-Almirante
Contra-Almirante
Mensagens: 1838
Registado: sexta set 22, 2006 1:32 am
Localidade: Caxias
Localização: Caxias

Mensagem por Skipper » domingo jan 13, 2008 10:54 am

Oh Zé, essa explicação do controlo de imersão/emersão está 5 estrelas. 8) Parece que não tardará muito para ver (?) o SAD a navegar. Só é pena uma certa falta de seguidores desta workshop pois parece-me das mais interessantes e completas que por aqui apareceu.
Força com isso!
O pessimista queixa-se do vento.
O optimista espera que ele mude.
O realista ajusta as velas.
Bons ventos!

José Franco da Costa
Capitão de Fragata
Capitão de Fragata
Mensagens: 447
Registado: segunda out 16, 2006 10:29 pm
Localização: Caparica

Mensagem por José Franco da Costa » domingo jan 13, 2008 2:46 pm

Luis escreveu:
essa explicação do controlo de imersão/emersão está 5 estrelas
Obrigadinho, pá! :mrgreen: :mrgreen: Mas aguenta-te, porque a bancada de comando ainda nem a meio chegou ... :oops: :oops:

Espero que muito brevemente se iniciem os testes "de mar", num lago perto de si ... (é como no cinema ...) ;-) ;-)
Cumprimentos,

José Franco da Costa

José Franco da Costa
Capitão de Fragata
Capitão de Fragata
Mensagens: 447
Registado: segunda out 16, 2006 10:29 pm
Localização: Caparica

Mensagem por José Franco da Costa » domingo jan 13, 2008 6:56 pm

É isso mesmo Artur! Solução bem bolada!!! :D :D

Obrigado pelo teu contributo. É sempre bom mostrarem-se abordagens diferentes a um mesmo problema. :neutral7: :neutral7:

Presumo que o teu exemplo seja para um comando de reverse através do servo e não do variador. É uma das potencialidades desta montagem que descrevi. :neutral16: :neutral16:

No caso do SAD, porém como já deves ter notado, há uma pequenas diferenças do teu exemplo. Coisas menores. Mas são mais dois interruptores a serem atacados e também a existência na coroa do servo, no lado oposto ao que ataca os interruptores, de mais uma peça que fará pressão no tubo de admissão de água ao saco do lastro líquido, impedindo a passagem de água quando o servo fica em repouso. :D :D

Vou mostrar, em breve, como resolvi essa questão da pressão no tubo.
Cumprimentos,

José Franco da Costa

José Franco da Costa
Capitão de Fragata
Capitão de Fragata
Mensagens: 447
Registado: segunda out 16, 2006 10:29 pm
Localização: Caparica

Mensagem por José Franco da Costa » sexta jan 18, 2008 8:01 pm

Ora vamos lá continuar ... :D :D

Já todos repararam que o disco do servo comporta uma outra ponta, lançada segundo a direcção do eixo longitudinal do servo.

Esse “zingarelho” vai funcionar enquanto o servo está na sua posição neutra. A sua função é pressionar o tubo de admissão de água ao tanque de lastro líquido, de forma a que não possa haver qualquer entrada ou saída de água quando o servo está parado. É uma espécie de torneira ou electro-válvula ... Salvo seja!!!! :oops:

Muitas das bombas hidráulicas que usamos, não conseguem, quando em repouso, impedir que o líquido continue a passar pelo seu corpo. Fazem de vasos comunicantes.

Isso fará com que não se consiga estabilizar o lastro líquido. De facto, aumentando a pressão com a profundidade, a tendência é que o saco vá sempre enchendo mesmo com a bomba parada. E essa situação só trás más notícias. Pois é: o submarino desce, desce, e desce sempre mais. Só pára no fundo! :neutral1: :neutral1:

Daí a necessidade do "zingarelho" e da solução de pressionar suficientemente o tubo de admissão por forma a que ele vede mesmo. ;-) ;-)

O “zingarelho”, como se vê nas fotografias, tem pouca história. Mais uns pedacitos de acrílico, um parafuso e o resto de algum dos tubos metálicos que se usaram no SAD de diâmetro aproximado ao do parafuso, cola, tempo e paciência.

Aqui têm alguns pormenores da coisa.
sad bomba 022_edited.jpg
sad bomba 027_edited.jpg
sad bomba 035_edited.jpg
sad bomba 037_edited.jpg
DICAS:
A posição do pedaço de acrílico que suporta o tubo de silicone tem de ser encontrada fazendo ensaios sucessivos com o servo a ser comandado pelo rádio por forma a fazer a pressão adequada no tubo para impedir a circulação da água. Uma boa maneira de se testar esse funcionamento é usar um pedaço de tubo (de silicone, p ex.) suficientemente comprido para se poder soprar nele durante o teste. Claro que se nota logo quando é que se comprimiu o suficiente.
Convém colar e aparafusar os diferentes componentes deste suporte do tubo de silicone, de forma semelhante como se referiu para os calços dos micro switches. Tudo tem de ficar estável e seguro já que vai ser muito solicitado a diferentes esforços.
Optei por utilizar uns troços de tubo metálico (do que usei para o veio do motor) para fazer esperas para a ligação dos tubos até à bomba. Facilita a montagem disto tudo.
O tubo metálico do “zingarelho” que irá pressionar o tubo hidráulico deve rodar livremente no parafuso. Lubrifiquem tudo com uma gordura sólida.
A minha experiência diz-me que os tubos plásticos e de silicone vão endurecendo com o tempo. Por outro lado o servo que usei vê-se um bocado aflito para vencer a pressão necessária sobre o tubo hidráulico. Por isso, passo a passo, terminei por optar pela colocação, na zona a pressionar, de um pedaço de manga termo retráctil em vez do tubo. Se der bem ... óptimo. Se não der ou não for durável ... mais tarde faz-se uma cirurgia correctiva ...




Quanto às ligações eléctricas aqui vão:

1 - Dos micro switches de alimentação da bomba
Ligar um borne da bateria a cada um dos terminais NO dos micro switches
Como a lógica é uma batata (eléctrica neste caso :D :D), ligar o outro borne a cada um dos terminais NC dos micro switches.
A alimentação do motor vai ligar a cada um dos terminais centrais (C) dos micro switches.
Et voilà!!!!

DICA
Testem com o multímetro e verificarão que a polaridade da saída para a alimentação ao motor vai sucessivamente apresentando valores positivos e negativos quando se acciona a montagem.


2 – Dos micro switches de alimentação do LED pisca-pisca
Verifiquem com o multímetro qual é o terminal que, quando a alavanca é pressionada, deixa passar corrente com terminal central .
Liguem um cabo do borne + da bateria ao terminal central do micro e shuntem esse terminal com o homólogo do outro micro.
Procedam de forma semelhante com o terminal do micro switch que fecha circuito com o terminal central. Este cabo vai ligar ao polo + do LED pisca-pisca.
O cabo – da bateria vai directo ao polo – do LED.

Vejam na fotografia
sad bomba 036_edited.jpg
Agora é "só" começar a montagem de toda esta tralha no interior do corpo B do SAD e ... testes de mar. :mrgreen: :mrgreen: Está quase ... ;-) :neutral6: ;-) :neutral6: ;-) :neutral6:

[ editado por pjesus a 30/07/2018 com permissão do autor, para carregar as imagens em falta ]
Não tem Permissão para ver os ficheiros anexados nesta mensagem.
Cumprimentos,

José Franco da Costa

Avatar do Utilizador
pjesus
Almirante
Almirante
Mensagens: 7189
Registado: quinta ago 10, 2006 10:21 am
Localidade: Sobreda
Localização: Parede
Contacto:

Mensagem por pjesus » segunda jan 21, 2008 4:35 pm

Pergunta potencialmente estúpida (para não variar)...
não há nenhum tipo de válvula/torneira mecânica que pudesse ser colocada a meio do tubo e que fosse actuada pelo braço do servo, um pouco à semelhança do que acontece para os comandos da bomba?

Isto é... em repouso, o braço central do servo iria pressionar o botão da válvula, que interromperia o fluxo...

José Franco da Costa
Capitão de Fragata
Capitão de Fragata
Mensagens: 447
Registado: segunda out 16, 2006 10:29 pm
Localização: Caparica

Mensagem por José Franco da Costa » segunda jan 21, 2008 6:55 pm

Olá Tiago,

Pergunta sempre ... :D :D

Claro que há coisas próprias (electro-válvulas ou bombas à séria ... ;-) ;-)), também há outras soluções como sugeres e ainda outras improvisações como torneiras de sistemas de micro rega.

Fiz assim, por ser simples e para não gastar mais euros nas compras ... :mrgreen: :mrgreen:
Cumprimentos,

José Franco da Costa

Avatar do Utilizador
Miguel Parente
Almirante
Almirante
Mensagens: 4388
Registado: quarta ago 30, 2006 3:46 pm
Localização: Penedo/Sintra
Contacto:

Mensagem por Miguel Parente » terça jan 22, 2008 6:38 pm

Boas,

Grande José Franco da Costa...

Para te "acompanharmos" ficamos.... :Desvairado:

Estou a aprender e a apreender tudo, para (re)começar (dentro em breve) o meu SAD.

No entanto fico a ver se o teu não vai ao fundo, com tanto material e TECNOLOGIA!!!... :neutral1: ;-)

Saudações náuticas
miguel

José Franco da Costa
Capitão de Fragata
Capitão de Fragata
Mensagens: 447
Registado: segunda out 16, 2006 10:29 pm
Localização: Caparica

Mensagem por José Franco da Costa » terça jan 22, 2008 9:06 pm

Olá Miguel,

Vejo que já aqueceste ... :lol: :lol: depois das férias.

Eu cá estou a fazer os (im)possíveis para ver se na próxima sexta feira* tiramos a dúvida se o SAD vai ao fundo ... ;-) ;-) Mas (há sempre um MAS ...) posso garantir-te que ao fundo vai de certeza. :roll: :roll: Voltar ao de cima é que é o grande desafio. :mrgreen: :neutral1: :mrgreen: Vamos a ver.

* Se não for nesta sexta lá terá de ser noutra!!! :mrgreen: :mrgreen:
Cumprimentos,

José Franco da Costa

Avatar do Utilizador
Miguel Parente
Almirante
Almirante
Mensagens: 4388
Registado: quarta ago 30, 2006 3:46 pm
Localização: Penedo/Sintra
Contacto:

Mensagem por Miguel Parente » sábado jan 26, 2008 2:26 pm

Skipper Escreveu:... tivemos o privilégio de ver, pela 1ª vez, o submarino amarelo do José Franco da Costa. Uma autêntica maravilha. Uma maravilha de engenho, espírito reciclador e detalhe...
...No entanto, pudemos espreitar as suas intrincadíssimas entranhas (as do submarino...) e ver parte do sistema de iluminação a funcionar.
:shock: :shock: :shock: REALMENTE FANTÁSTICO!!! :shock: :shock: :shock:
Parabéns e obrigado, José Franco da Costa.

Esta mensagem é igual à descrita nos Encontros, mas nunca é de mais repetir, quando se vêem coisas fantásticas como esta!!!

Saudações náuticas
miguel

Avatar do Utilizador
Helderluiss
Vice-Almirante
Vice-Almirante
Mensagens: 2978
Registado: sexta nov 18, 2005 1:00 pm
Localidade: Palmela
Localização: Palmela
Contacto:

Mensagem por Helderluiss » segunda fev 04, 2008 12:01 pm

Também quero ver :neutral13:

José Franco da Costa
Capitão de Fragata
Capitão de Fragata
Mensagens: 447
Registado: segunda out 16, 2006 10:29 pm
Localização: Caparica

Mensagem por José Franco da Costa » segunda fev 04, 2008 12:28 pm

Primeiro (e as minhas desculpas pela demora :oops: ) os meus agradecimentos ao Miguel pelos seus exageros ... :oops: :oops: .

Em vez de por lixo no lixão ... usei-o no submarinão :neutral1: :neutral1: e pouco mais fiz.

Depois para garantir ao Helder que certamente verá o SAD, num qualquer sítio habitual. ;-) ;-) Gostaria muito de ouvir o que tiveres a dizer do SAD. :D

Para já fica a garantia que avisarei neste tópico e no dos Encontros no Estoril quando o levarei a banhos ao Lago ...

Se não te convier lá ir, combinaremos alternativa. Fica prometido. :mrgreen: :mrgreen:
Cumprimentos,

José Franco da Costa

Avatar do Utilizador
Helderluiss
Vice-Almirante
Vice-Almirante
Mensagens: 2978
Registado: sexta nov 18, 2005 1:00 pm
Localidade: Palmela
Localização: Palmela
Contacto:

Mensagem por Helderluiss » quarta fev 06, 2008 2:56 pm

José Franco da Costa Escreveu: Gostaria muito de ouvir o que tiveres a dizer do SAD. :D
Tenho a dizer antes de mais que esta tua iniciativa me congratula bastante pelo facto de ver alguém com um gosto identico ao meu e que com a sua habilidade e disponibilidade tenta de alguma forma passar esse gosto :neutral7:

Agora o SAD em concreto, parece-me que seguiste o "livro" à risca, acho que já referi não ser um grande adepto deste sistema de lastro mas funciona e neste modelo que pretende ser simples, barato e despretensioso em termos de dificuldade parece-me bem aplicado. A grande dificuldade (prepara-te :twisted: )virá agora com os primeiros testes na água.

Fico a torcer pelo sucesso ;-)

Avatar do Utilizador
Miguel Parente
Almirante
Almirante
Mensagens: 4388
Registado: quarta ago 30, 2006 3:46 pm
Localização: Penedo/Sintra
Contacto:

Mensagem por Miguel Parente » sábado fev 09, 2008 4:23 am

Boas,

José Franco da Costa,

Hoje em S.Pedro, vários de nós, estávamos na expectativa de ver o SAD a submergir!!!! :(

Força nisso, que estamos em pulgas!!!

Saudações náuticas
miguel

José Franco da Costa
Capitão de Fragata
Capitão de Fragata
Mensagens: 447
Registado: segunda out 16, 2006 10:29 pm
Localização: Caparica

Mensagem por José Franco da Costa » sábado fev 09, 2008 7:48 am

Olá Miguel,

Também eu julgava que fosse possível ... :oops: :oops: mas a manta está curta: se tapo num lado, destapo noutro ... :shock: :shock: tive de atender noutras frentes e o SAD parou. :D :D

Já nem perspectivo datas para aparecer ... parece que está a dar azar ... ;-) ;-)

Avisarei antes de aparecer, como prometido. :oops: :oops:

Desculpem-me e muito obrigado pelo interesse. :D :D
Cumprimentos,

José Franco da Costa

Avatar do Utilizador
Miguel Parente
Almirante
Almirante
Mensagens: 4388
Registado: quarta ago 30, 2006 3:46 pm
Localização: Penedo/Sintra
Contacto:

Mensagem por Miguel Parente » quarta abr 16, 2008 2:35 am

Boas,

Este workshop irá dar este fantástico modelo, que é (obviamente) o do José Franco da Costa!!!

Imagem

:shock: Lindo!!!! :shock:

Saudações náuticas
miguel

Avatar do Utilizador
pjesus
Almirante
Almirante
Mensagens: 7189
Registado: quinta ago 10, 2006 10:21 am
Localidade: Sobreda
Localização: Parede
Contacto:

Mensagem por pjesus » quarta abr 16, 2008 8:41 am

De facto é de louvar não só o resultado final (o Prof. Pardal que não se preocupe que a minha apreciação in loco será o mais sincero possível :) ) mas acima de tudo todo este processo inventivo!!!

eduardo
Aspirante
Aspirante
Mensagens: 139
Registado: quinta out 25, 2007 11:23 pm
Localidade: torres vedras

Mensagem por eduardo » terça jun 24, 2008 12:14 am

Boas
Em primeiro lugar queria dar os meus parabens pelo projecto que aqui foi apresentao pelo Ilustre Sr. José Franco da Costa, e o qual eu tive a honra de poder admirar ao vivo no lago da Parede.
Neste curto tempo que dedico aos modelos RC descobri que o que realmente gosto é deste tipo de barcos, isto é submarinos. Tive a hipotese de adquirir um shark da Graupner em 2ª. mão o qual estou a recuperar estando para breve os primeiros testes.
Olhando este workshop resolvi tentar tambem eu construir o me~u, com alguns bons meses de atraso.
Li e reli todas as explicações dadas pelo Ilustre mentor dest workshop e resolvi portanto aventurar-me no desconhecido.
Uma coisa porém queria deixar claro. vou levar isto até ao fim demore o tempo que demorar.
Já comprei hoje a quase totalidade do primeiro material para dar inicio ao projecto, faltando apenas a união 50 que amanha vai estar em meu poder
Aproveito para colocar a primeira foto
Imagem
Vão ser os dois projectos que vou dar inicio; O submarino SAD e o Submarino Shark
cumps
aprendiz de modelista

Responder