Pontão em construção

Preparem-se para acabar com as desculpas e toca a fazer.
Do princípio ao fim, todas as etapas...
Responder
Avatar do Utilizador
joão fernandes
Comodoro
Comodoro
Mensagens: 1396
Registado: quinta jul 06, 2006 9:42 pm
Localização: Évora
Contacto:

Pontão em construção

Mensagem por joão fernandes » domingo fev 04, 2007 6:04 pm

Vamos então iniciar a construção do módulo para o nosso pontão multi-usos.

1º passo:

1 ripa de madeira de casquinha (pinho nórdico) com 180X11,6X1,8cm.
1 placa de "roofmate" com 90X11,6X3cm.

Corta-se a madeira ao meio por forma a obter-mos 2 de 90cm.

Imagem

2º passo:

Numa das peças de madeira faz-se um corte de onde se vão tirar +-12cm para o rasgo (esta pequena folga ajuda ao encaixe das peças). O posicionamento do rasgo é á escolha de cada um.
De seguida colam-se os dois bocados de madeira á outra (inteira), como se vê na foto. O desfazamento entre as placas deverá ter os 11,6cm para dar um quadrado perfeito.

Imagem

Nesta foto já vemos a marcação para os furos. Para a obtermos basta desenhar um X no quadrado de 11,6X11,6cm. Obtemos assim o centro. A partir do centro marcamos, em cada linha, 5,5cm. Já temos os 4 pontos de fixação. Atenção ao marcar o centro no rasgo que se encontra +- a meio do pontão. Como este tem 12X11,6 temos de centrar um quadrado de 11,6X11,6 nesse espaço.
Última edição por joão fernandes em terça fev 06, 2007 12:30 am, editado 2 vezes no total.
The difference between men and boys is the price of their toys.

Avatar do Utilizador
joão fernandes
Comodoro
Comodoro
Mensagens: 1396
Registado: quinta jul 06, 2006 9:42 pm
Localização: Évora
Contacto:

Mensagem por joão fernandes » domingo fev 04, 2007 6:13 pm

3º passo

Vamos furar as madeiras para podermos colocar os pernes. Vou usar pernes de 70mm com 6mm de diametro. Fazem-se os furos de 6mm nos pontos previamente marcados.

Imagem

Chegou a altura de colar (cola branca de madeira) o "roofmate" á madeira.

Imagem
Imagem
The difference between men and boys is the price of their toys.

Avatar do Utilizador
joão fernandes
Comodoro
Comodoro
Mensagens: 1396
Registado: quinta jul 06, 2006 9:42 pm
Localização: Évora
Contacto:

Mensagem por joão fernandes » domingo fev 04, 2007 6:18 pm

Enquanto temos os blocos a colar podemos aproveitar para prolongar os furos até ao "roofmate".

Imagem
The difference between men and boys is the price of their toys.

Avatar do Utilizador
joão fernandes
Comodoro
Comodoro
Mensagens: 1396
Registado: quinta jul 06, 2006 9:42 pm
Localização: Évora
Contacto:

Mensagem por joão fernandes » domingo fev 04, 2007 6:21 pm

Bem, não resisti a colocar umas tabuinhas para simular a montagem.

Imagem

Mesmo sem pernes fica com bastante resistência e quase não oscila.
The difference between men and boys is the price of their toys.

Avatar do Utilizador
joão fernandes
Comodoro
Comodoro
Mensagens: 1396
Registado: quinta jul 06, 2006 9:42 pm
Localização: Évora
Contacto:

Mensagem por joão fernandes » domingo fev 04, 2007 9:23 pm

E foi a banhos:

Imagem

O teste foi bastante positivo. O módulo fica com 2cm submersos ( o "roof..." não fica todo submerso) e Cerca de 5cm de fora.
O homem aranha aprovou.

Imagem

Conclusão: Dada a boa flutuabilidade e rigidez do conjunto vou avançar (definitivamente?) para módulos de 3 placas de madeira + 1 de "roofmate". Ou seja, o módulo do desenho será todo em madeira (é muito melhor para o encaixe dado que o "roof..." não gosta de violências) mas acrescenta-se, por baixo, uma placa de "roof...". Pelos meus calculos fica com pouco + de 6cm fora de água. O "roof..." também irá ser + estreito de modo a dar um bom acondicionamento no transporte (com cunhos na borda ele vai encaixar entre cunhos), se tirar 1,5cms de cada lado ao "roof..." deve chegar.
Pronto, mãos há obra pessoal, vamos construir um Porto. :Duvida:

Luis, a velocidade dentro do porto será de 3 nós á escala (imagina a velocidade que vai andar o "Smit" / +- 0,04 nós :neutral1: ). Fora dele depende do bom senso de cada um... :neutral9:
The difference between men and boys is the price of their toys.

Avatar do Utilizador
PAULO PEREIRA
Vice-Almirante
Vice-Almirante
Mensagens: 2352
Registado: quinta mar 02, 2006 11:20 am
Localização: Povoa Sta Iria

Mensagem por PAULO PEREIRA » segunda fev 05, 2007 10:51 am

Boas João está uma optima ideia :neutral10:
Mas parece-me que o Artur tem razão em relação ao colocar e retirar os tramos vai mesmo lixar ou partir o roofmate, não será melhor colocar outra ripa antes do roofmate nem que seja mais fina :?:
Em relação ao peso quanto fica cada uma?
Knights Of The Sea Everyone admires a PT man!

Avatar do Utilizador
joão fernandes
Comodoro
Comodoro
Mensagens: 1396
Registado: quinta jul 06, 2006 9:42 pm
Localização: Évora
Contacto:

Mensagem por joão fernandes » segunda fev 05, 2007 9:12 pm

Não há fotos (ainda) mas hoje fiz 2 módulos Com 3 ripas de madeira + 1 de roofmate. Parece-me bem.
Os encaixes é que são difíceis, como os módulos, em cada extremidade, podem encaixar-se de 3 formas diferentes, os pernes (em certas posições) tinham alguma dificuldade em entrar. Vai daí, agarrei-me ao brebequim e vai de alargar os furos... :mrgreen: Ficou bom. Outro problema é o encaixe de um módulo no rasgo de outro. É muito á justa, a lixadeira deu uma bela ajuda, basta um desbaste de 1mm e tudo funciona na perfeição. Até ao fim desta semana espero fazer um teste com vários módulos para verificar a estabilidade dos módulos mais distantes.
Até lá.
The difference between men and boys is the price of their toys.

Avatar do Utilizador
joão fernandes
Comodoro
Comodoro
Mensagens: 1396
Registado: quinta jul 06, 2006 9:42 pm
Localização: Évora
Contacto:

Mensagem por joão fernandes » sexta fev 09, 2007 8:10 pm

Versão definitiva do módulo : 3 tábuas + 1 de roofmate. Pernes de 6mm de diâmetro em furos de 7mm. Rasgos de 120mm. Com estas folgas o conjunto já deve aguentar as violências dos aceleras... :neutral1:
Imagem
Depois de uma passagem com verniz banana começei a dar primário.
The difference between men and boys is the price of their toys.

Avatar do Utilizador
joão fernandes
Comodoro
Comodoro
Mensagens: 1396
Registado: quinta jul 06, 2006 9:42 pm
Localização: Évora
Contacto:

Mensagem por joão fernandes » quinta fev 22, 2007 7:34 pm

Boas, cá vão as ultimas.
Imagem
O módulo que se vê em 1º plano tem 15cm de largura e será o que fica encostado á borda do lago. Tem um rasgo de cada lado, onde se vão colocar os módulos para pontões. Decidi também fazer uns módulos com cerca de 54cm de comprimento (30+12+12) para ter mais variedade de soluções (no degrau). Os dois da direita já levaram primário, na parte de cima vão ser envernizados a simular ripado. Nas bordas colei perfis em "L" de aluminio que vou furar para colocar cunhos de amarração.
Há uma ideia no ar (Artur) que me parece boa. Trata-se de colar barras de ferro nas laterais de alguns módulos, logo, se fizermos umas defensas com imãn no seu interior, os barcos auto-atracam. :neutral10:
Para a semana haverá teste de mar... (não tenham medo que não vai ser como o Workshop do "Bismark". Este será há terça... :neutral1:
The difference between men and boys is the price of their toys.

Avatar do Utilizador
Skipper
Contra-Almirante
Contra-Almirante
Mensagens: 1838
Registado: sexta set 22, 2006 1:32 am
Localidade: Caxias
Localização: Caxias

Mensagem por Skipper » quinta fev 22, 2007 11:12 pm

Boa João! O trabalho está a ficar muito bom. :neutral3: :neutral10:

A ideia dos imans dentro das defensas parece-me bem mais exequível que outras ideias apontadas aqui no forum.
Com barrinhas de ferro, no pontão, pintadas com Hammerite para não enferrujarem, ficava uma coisa catita.

As placas magnéticas dentro das defensas, quando começarem a "chorar", também ajudarão a dar aos costados dos rebocadores aquele ar usado que o Helderluiss tanto gosta. :mrgreen:
O pessimista queixa-se do vento.
O optimista espera que ele mude.
O realista ajusta as velas.
Bons ventos!

Avatar do Utilizador
joão fernandes
Comodoro
Comodoro
Mensagens: 1396
Registado: quinta jul 06, 2006 9:42 pm
Localização: Évora
Contacto:

Mensagem por joão fernandes » quinta fev 22, 2007 11:38 pm

Pois é, a ideia do imãn nas defensas é boa. Contudo, há uns dias atrás, estive a falar do assunto com o meu pai (outro "arquitonto" e marinheiro) e ele veio com uma ideia bastante interessante: colar ao pontão bandas magnéticas (das que se usam para segurar facas de cozinha á parede) e as defensas levariam ferro.
Ambas as soluções são viáveis
The difference between men and boys is the price of their toys.

Avatar do Utilizador
Skipper
Contra-Almirante
Contra-Almirante
Mensagens: 1838
Registado: sexta set 22, 2006 1:32 am
Localidade: Caxias
Localização: Caxias

Mensagem por Skipper » quinta fev 22, 2007 11:41 pm

joão fernandes Escreveu:...colar ao pontão bandas magnéticas (das que se usam para segurar facas de cozinha á parede)
Ou da porta de um frigorífico avariado. Depende do tamanho do frigorífico, mas um médio, tem mais de 2 metros de barra magnética. :idea:
O pessimista queixa-se do vento.
O optimista espera que ele mude.
O realista ajusta as velas.
Bons ventos!

Avatar do Utilizador
joão fernandes
Comodoro
Comodoro
Mensagens: 1396
Registado: quinta jul 06, 2006 9:42 pm
Localização: Évora
Contacto:

Mensagem por joão fernandes » quinta mar 15, 2007 2:47 pm

Os progressos não foram muitos (não tenho tido tempo). Tenho andado em pinturas. Coloqueis chapas de ferro nas laterais para o imãn da defensa. Tenho também estado a arear a tinta para tentar simular betão.
Imagem
A dita areia não é mais do que terra desses vasos que estão em segundo plano. Vamos vêr se as plantas resistem aos pontões... :mrgreen:
Um abraço
The difference between men and boys is the price of their toys.

Avatar do Utilizador
joão fernandes
Comodoro
Comodoro
Mensagens: 1396
Registado: quinta jul 06, 2006 9:42 pm
Localização: Évora
Contacto:

Mensagem por joão fernandes » quinta mar 15, 2007 3:33 pm

A areia não vai acabar com esta textura toda. Depois de acabado fica só com um ligeiro relevo. Os imãns comprei-os na drogaria da esquina, têm cerca de 15X8X3mm.
É claro que os barcos têm de usar defensas, um riscozito faz sempre parte da vida de uma embarcação. :mrgreen:
The difference between men and boys is the price of their toys.

Carlos Mariano
Almirante
Almirante
Mensagens: 3799
Registado: domingo out 09, 2005 11:41 pm
Localidade: Cascais
Contacto:

Mensagem por Carlos Mariano » quinta mar 15, 2007 3:35 pm

João não uses terra ,usa mesmo areia e despeja-a (tipo pulverizar) sobre as tabuas previamente resinadas de fresco ,o resultado e mais real

Avatar do Utilizador
joão fernandes
Comodoro
Comodoro
Mensagens: 1396
Registado: quinta jul 06, 2006 9:42 pm
Localização: Évora
Contacto:

Mensagem por joão fernandes » quinta mar 15, 2007 8:47 pm

Realmente a foto não mostra o aspecto final, assusta... 2/3 da terra que se vê agarrada á tinta sai só com a passagem de um dedo. Já tenho outros módulos com uma de mão de tinta por cima da terra e quase não se nota a dita (terra). Como vão levar 2 de mão vai ficar quase liso. ;-)
The difference between men and boys is the price of their toys.

Carlos Mariano
Almirante
Almirante
Mensagens: 3799
Registado: domingo out 09, 2005 11:41 pm
Localidade: Cascais
Contacto:

Mensagem por Carlos Mariano » quinta mar 15, 2007 11:38 pm

João Fernandes não queres impermiabilizar essa madeira ? porque não usas resina epoxi e areia do rio,és alérgico á resina ou tens medo dela .
Olha que naquele projecto que anda aí perdido á espera de vez, vais ter que chafurdar nela e de que maneira

Avatar do Utilizador
joão fernandes
Comodoro
Comodoro
Mensagens: 1396
Registado: quinta jul 06, 2006 9:42 pm
Localização: Évora
Contacto:

Mensagem por joão fernandes » sexta mar 16, 2007 1:22 am

Carlos, até estou com medo do que te vou dizer... :( Dei Verniz banana. :TomaLa:
Foi por uma questão de preço. Achei que os pontões não mereciam Epoxy. No outro projecto já dei Epoxy no interior e gostei, estou pronto para abrir os cordões há bolsa no exterior. Pronto, já está dito. Agora venha a tormenta. :mrgreen:
The difference between men and boys is the price of their toys.

Carlos Mariano
Almirante
Almirante
Mensagens: 3799
Registado: domingo out 09, 2005 11:41 pm
Localidade: Cascais
Contacto:

Mensagem por Carlos Mariano » sexta mar 16, 2007 9:35 am

Isto acaba por ter piada ,pois não sei como é que voçês arranjam esse tal verniz Banana, perguntei aqui no meu fornecedor de tintas pelo dito e ficou toda a gente a rir

Avatar do Utilizador
Skipper
Contra-Almirante
Contra-Almirante
Mensagens: 1838
Registado: sexta set 22, 2006 1:32 am
Localidade: Caxias
Localização: Caxias

Mensagem por Skipper » sexta mar 16, 2007 11:33 am

Oh Artur, faltou-te a tinta ou cansaste-te de explicar o processo? Ao menos leva as coisas té ao fim pá. Se me dás licença, eu continuo:

1 - Com as bananas bem maduras e separadas umas das outras, há que fazer um pequeno orifício a todo o comprimento de cada banana e pendurá-las na corda da roupa uma a uma. Muito importante: o "pé" da banana deve ficar voltado para baixo.

2 - Quando o estendal estiver montado, há que deitar umas gotas de diluente sintético dentro do orifício de cada banana mas, antes disso, há que, com paus de fósforo ou cotonettes, tapar a parte inferior do orificio em cada banana de modo a vedar bem e não deixar saír o diluente.

3 - Depois de todas as bananas terem a sua dose de diluente, cobre-se tudo muito bem com um pano grande (lençol velho) e espera-se 4 dias e meio. Se a humidade relativa subir acima dos 72%, há que prolongar este período de tempo em 2h45m, por cada ponto percentual acima deste valor.

4 - Ao fim deste tempo, retiram-se os tampões às bananas (paus de fósforo ou cotonettes) com muita cautela e recolhe-se o líquido que sai do seu interior.

5 - Como aquilo deve estar uma borrada do caraças, atira-se tudo para o contentor do lixo (paus de fósforo ou cotonettes incluídos) e vai-se ao JIM comprar uma embalagem de verniz de banana.

Eles sabem o que é, e garanto que, se não se tentar explicar o processo de produção, eles não se vão rir.

:neutral18: :neutral18: :neutral18:

PS - agora a sério, desde miúdo que ouvia os tipos do aeromodelismo falarem de verniz de banana e, só há um par de meses, intrigado com o que seria, é que perguntei ao João Prates o que era. Se estou bem lembrado da explicação dele, é a mesma coisa que o DOPE.
Ninguém nasce ensinado... ;-)
O pessimista queixa-se do vento.
O optimista espera que ele mude.
O realista ajusta as velas.
Bons ventos!

Responder

Voltar para “Workshops”