O Galeão São João Batista (Botafogo) visto por Vermeyen

Apenas para as construções em POB (Planck-On-Bulkhead), ou seja, com falsas cavernas e a partir de PLANOS ou monografias.
Avatar do Utilizador
Jose Elias
Contra-Almirante
Contra-Almirante
Mensagens: 1846
Registado: sexta mai 18, 2007 3:30 pm
Localidade: Casal de Cambra- Sintra

Re: A Verdadeira Face do Galeão S. João Baptista

Mensagem por Jose Elias » segunda nov 07, 2011 3:13 am

:neutral5:

Amigo genésio a Santanna foi salvo erro construida em Nice ( Carece de confirmação) e foi encomendada pelos Cavaleiros Hospitalários ou Ordem de Malta, ou melhor



"A Ordem de Malta (oficialmente Ordem Soberana e Militar Hospitalária de São João de Jerusalém, de Rodes e de Malta, também conhecida por Ordem do Hospital, Ordem de S. João de Jerusalém, Ordem de S. João de Rodes, etc.), é uma organização internacional católica que começou como uma Ordem Beneditina fundada no século XI na Terra Santa, durante as Cruzadas, mas que rapidamente se tornaria numa Ordem militar cristã, numa congregação de regra própria, encarregada de assistir e proteger os peregrinos àquela terra.[3]

Face às derrotas e consequente perda pelos cruzados dos territórios na Palestina, a Ordem passou a operar a partir da ilha de Rodes, onde era soberana, e mais tarde desde Malta, como estado vassalo do Reino da Sicília."


.

Elias

Avatar do Utilizador
Genésio Machado Jr
Vice-Almirante
Vice-Almirante
Mensagens: 2017
Registado: segunda abr 02, 2007 1:58 am
Localização: NIterói - Rio de Janeiro - Brasil

Re: A Verdadeira Face do Galeão S. João Baptista

Mensagem por Genésio Machado Jr » segunda nov 07, 2011 5:41 pm

Amigo genésio a Santanna foi salvo erro construida em Nice ( Carece de confirmação) e foi encomendada pelos Cavaleiros Hospitalários ou Ordem de Malta, ou melhor
Eu acho que este fato foi o pivô da minha confusão.
Obrigado mais uma vez por me socorrer!!!
Eu li na Wikipédia que ela foi descomissionada em 1540 por ordem do Grão-Mestre Juan d’Omedes. Lá diz também que ela tinha, jardins floridos na popa, fornos e um moinho de vento próprio afim de fornecer pão fresco a tripulação.
Já imaginou um modelo desta nau com um catavento a sobre sair no tombadilho? Ficaria hilário. :mrgreen:
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora a fazer um novo fim."
(Chico Xavier)

http://i11.photobucket.com/albums/a165/ ... -p-1-2.jpg

Avatar do Utilizador
Genésio Machado Jr
Vice-Almirante
Vice-Almirante
Mensagens: 2017
Registado: segunda abr 02, 2007 1:58 am
Localização: NIterói - Rio de Janeiro - Brasil

Re: A Verdadeira Face do Galeão S. João Baptista

Mensagem por Genésio Machado Jr » quarta jul 18, 2012 12:27 am

Miguel Parente Escreveu:Esporões (em caravelas, naus, galeões e similares) e mais de 350 "bocas de fogo"...E o Pai Natal e o coelhinho da Páscoa...
:Desvairado: :toquenemposso: :foge: :toquenemposso: :Desvairado:

:neutral6:
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora a fazer um novo fim."
(Chico Xavier)

http://i11.photobucket.com/albums/a165/ ... -p-1-2.jpg

Avatar do Utilizador
Genésio Machado Jr
Vice-Almirante
Vice-Almirante
Mensagens: 2017
Registado: segunda abr 02, 2007 1:58 am
Localização: NIterói - Rio de Janeiro - Brasil

Re: A Verdadeira Face do Galeão S. João Baptista

Mensagem por Genésio Machado Jr » quarta jul 18, 2012 12:28 am

Jose Elias Escreveu::neutral5:
Miguel Parente Escreveu:Esporões (em caravelas, naus, galeões e similares) e mais de 350 "bocas de fogo"...E o Pai Natal e o coelhinho da Páscoa...
:Desvairado: :toquenemposso: :foge: :toquenemposso: :Desvairado:

:neutral6:
Miguel o texto que copiei, confirma a tua opinião se bem percebeste.

Abraço
Elias
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora a fazer um novo fim."
(Chico Xavier)

http://i11.photobucket.com/albums/a165/ ... -p-1-2.jpg

Avatar do Utilizador
Genésio Machado Jr
Vice-Almirante
Vice-Almirante
Mensagens: 2017
Registado: segunda abr 02, 2007 1:58 am
Localização: NIterói - Rio de Janeiro - Brasil

Re: A Verdadeira Face do Galeão S. João Baptista

Mensagem por Genésio Machado Jr » quarta jul 18, 2012 12:30 am

Acho estranho que o pintor Jan Cornelisz Vermeyen (1500-1559), autor das tapeçarias e que esteve presente na tomada de Goleta fantasiasse tais estruturas, ainda mais com milhares de testemunhas oculares. Devo lembrá-los que a função única do talhamar com agulhão de ferro era a de estourar uma corrente e não a de atacar outras embarcações, portanto o gurupés não seria um empecílio.
As 350 bocas de fogo poderiam ser perfeitamente armas miudas como colubrinas, falcões, espingardas e etc e não necessariamente canhões. Ou ainda a flotilha comanda pelo SJB teria ao todo 350 canhões. De fato 350 canhões numa embarcação seria um absurdo até em navios de linha de primeira classe. ;-)
"
Imagem
Imagem
Imagem
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora a fazer um novo fim."
(Chico Xavier)

http://i11.photobucket.com/albums/a165/ ... -p-1-2.jpg

Avatar do Utilizador
Genésio Machado Jr
Vice-Almirante
Vice-Almirante
Mensagens: 2017
Registado: segunda abr 02, 2007 1:58 am
Localização: NIterói - Rio de Janeiro - Brasil

Re: A Verdadeira Face do Galeão S. João Baptista

Mensagem por Genésio Machado Jr » quarta jul 18, 2012 12:31 am

A descrença no esporão advem da declaração de um famoso historiador que diz o seguinte:
Se o galeão é um navio redondo do tipo da nau, tem proa de roda; logo, não há onde suportar o esporão, entendido como arma de ataque similar à das galés. Mas se isso fosse possível, estar-se-ia perante uma circunstância muito estranha, já que a utilização dessa arma partiria forçosamente o mastro do gurupés: "não há um único documento técnico português que mencione o esporão dos galeões no sentido de estrutura especial para o ataque."
Fica claro que ele está equivocado, pois insiste em dizer que o talhamar era uma arma, como nas galés e não uma ferramenta para partir elos de correntes como é descrito nas crônicas. Não preciso dizer que o argumento do gurupés não se justificaria neste caso.
E se este artefato não está presente nos regimentos é porque foi improvisado, como descrito, especificamente para a tomada de Goleta e portanto não constaria nos planos originais caso ainda existissem.
E ainda, um reforço internamente em forma de escora da quilha até a altura do talhamar na roda de proa, não resolveria a questão estrutural? Pelo menos eu faria assim ;-)
Imagem
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora a fazer um novo fim."
(Chico Xavier)

http://i11.photobucket.com/albums/a165/ ... -p-1-2.jpg

Avatar do Utilizador
Genésio Machado Jr
Vice-Almirante
Vice-Almirante
Mensagens: 2017
Registado: segunda abr 02, 2007 1:58 am
Localização: NIterói - Rio de Janeiro - Brasil

Re: A Verdadeira Face do Galeão S. João Baptista

Mensagem por Genésio Machado Jr » quarta jul 18, 2012 12:32 am

AldoRamos Escreveu:
Genésio Machado Jr Escreveu:Acho estranho que o pintor Jan Cornelisz Vermeyen (1500-1559), autor das tapeçarias e que esteve presente na tomada de Goleta fantasiasse tais estruturas, ainda mais com milhares de testemunhas oculares. Devo lembrá-los que a função única do talhamar com agulhão de ferro era a de estourar uma corrente e não a de atacar outras embarcações, portanto o gurupés não seria um empecílio.
Já discutimos a existência de talhamares nos navios que participaram da tomada de Goleta neste tópico:
http://www.ptnauticmodel.net/forum/view ... a&start=15 :neutral16:
As 350 bocas de fogo poderiam ser perfeitamente armas miudas como colubrinas, falcões, espingardas e etc e não necessariamente canhões. Ou ainda a flotilha comanda pelo SJB teria ao todo 350 canhões. De fato 350 canhões numa embarcação seria um absurdo até em navios de linha de primeira classe. ;-)
"Ai meu Deus !!! É assim que começa, daqui a pouco já estou a construí-lo!!! :mrgreen: "
Mestre Genésio,

Já começou!!!!!!
As discusões a respeito já estão em pauta. As citações já estão sendo veiculadas, os entendimentos manifestos, então...
Quando é que começa mesmo? :mrgreen: :Anjinho:
Brincadeiras a parte ( e por falar nelas, onde está o Pedro Alves da Silva?) já estou sentindo falta das postagens destas obras que me acostumei a consultar todas as semanas. :toquenemposso: :Desvairado: :cuidadoasedio:
Minha sorte é que o povo não para de construir, mas são os debates que me encantam pois trazem luz a este ignorante sobre a história naval. :neutral8: :neutral7: :neutral7:
Que venha o "Botafogo", até porque é o meu time do coração. rsrsrsrsrs :o primeiro:
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora a fazer um novo fim."
(Chico Xavier)

http://i11.photobucket.com/albums/a165/ ... -p-1-2.jpg

Avatar do Utilizador
Genésio Machado Jr
Vice-Almirante
Vice-Almirante
Mensagens: 2017
Registado: segunda abr 02, 2007 1:58 am
Localização: NIterói - Rio de Janeiro - Brasil

Re: A Verdadeira Face do Galeão S. João Baptista

Mensagem por Genésio Machado Jr » quarta jul 18, 2012 12:34 am

Postado por José Elias
Imagem
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora a fazer um novo fim."
(Chico Xavier)

http://i11.photobucket.com/albums/a165/ ... -p-1-2.jpg

Avatar do Utilizador
Genésio Machado Jr
Vice-Almirante
Vice-Almirante
Mensagens: 2017
Registado: segunda abr 02, 2007 1:58 am
Localização: NIterói - Rio de Janeiro - Brasil

Re: A Verdadeira Face do Galeão S. João Baptista

Mensagem por Genésio Machado Jr » quarta jul 18, 2012 12:35 am

Amigo José Elias

Você está provando que existiam sim referências ao esporão nas ordenanças da época. Você está fazendo história!!!! :neutral10:
E a propósito, qual é a origem desse manuscrito?
E cono disse o amigo Aldo, a coisa está ganhando vida, :mrgreen:
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora a fazer um novo fim."
(Chico Xavier)

http://i11.photobucket.com/albums/a165/ ... -p-1-2.jpg

Avatar do Utilizador
Genésio Machado Jr
Vice-Almirante
Vice-Almirante
Mensagens: 2017
Registado: segunda abr 02, 2007 1:58 am
Localização: NIterói - Rio de Janeiro - Brasil

Re: A Verdadeira Face do Galeão S. João Baptista

Mensagem por Genésio Machado Jr » quarta jul 18, 2012 12:36 am

Jose Elias Escreveu::neutral5:

Amigo genésio tem aqui o endereço, é só baixar no formato que quizer.

http://purl.pt/13907

Esta referência encontra-se nas indicações do autor a respeito da construção de um galião de 500 toneis a folhas 46. A indicação das folhas aparece no lado esquerdo do ecran em baixo.

Quanto ao que seja este esporão, não faço ideia, mas, que se referem a ele é um facto e que leva seis curvas nas "pernadas" suponho também lá está escrito. Bom, mas, este é um navio de carga, embora saibamos que nesta época 1580-1590 os nossos navios já andavam armados há muito.

O autor é desconhecido e como pode ver está na nossa biblioteca em Lisboa.

Vá lendo que aí tem muita informção e faz inclusivé referência a outros galiões conhecidos até no Brasil.

Elias
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora a fazer um novo fim."
(Chico Xavier)

http://i11.photobucket.com/albums/a165/ ... -p-1-2.jpg

Avatar do Utilizador
Genésio Machado Jr
Vice-Almirante
Vice-Almirante
Mensagens: 2017
Registado: segunda abr 02, 2007 1:58 am
Localização: NIterói - Rio de Janeiro - Brasil

Galeão S. João Baptista

Mensagem por Genésio Machado Jr » quarta jul 18, 2012 1:48 am

Amigo Jose Elias!!!
Você é paranormal, tem mediunidade ou o que? :shock: Como você encontrou aquele trechinho de texto lá na folha 46? :pesquisar: Foi difícil de encontrar mesmo com você indicando a página... Eu fiquei assombrado com a sua capacidade. Obrigado pela sua ajuda e pelo link. Você é nota 10!!!! :neutral10:

Voltando ao tema, sempre que eu olhava o desenho da Nau Sant'Anna de Vermeyen, aquela silhueta, em especial a proa, me parecia familiar. Hoje pesquisando por imagens de galeões e naus do século XVI me deparei com a imagem do "galeão"(ou nau) da gravura "Roteiro da Ìndia de D.João de Castro - 1541" e me lembrei. Os dois barcos tem a mesma silhueta da proa, pelo menos ao meu ver. Com essa descoberta o próximo passo foi investigar D. João de Castro e eis que, coincidentemente, descubro que ele foi um dos heróis na tomada de Tunes se destacando a tal ponto que foi homenageado pelo Imperador Carlos V.
Juntando A + B, é impossível não conjecturar se aquele dito"galeão" da gravura de D. João de Castro não seria inspirado na Nau Sant'Anna, mas...
Coincidência ou não as semelhanças são intrigantes, principalmente no castelo de proa ( vide setas amarelas).
Tirem as suas conclusões:
Roteiro das Indias
Imagem
Não tem Permissão para ver os ficheiros anexados nesta mensagem.
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora a fazer um novo fim."
(Chico Xavier)

http://i11.photobucket.com/albums/a165/ ... -p-1-2.jpg

Avatar do Utilizador
Genésio Machado Jr
Vice-Almirante
Vice-Almirante
Mensagens: 2017
Registado: segunda abr 02, 2007 1:58 am
Localização: NIterói - Rio de Janeiro - Brasil

Re: O Galeão S. João Baptista das imagens de época.

Mensagem por Genésio Machado Jr » sábado out 06, 2012 11:28 pm

Boas

Acho que a questão do esporão já foi mais do que debatida e calçado pelos documentos aqui apresentados pelo amigo José Elias, penso que ficou esclarecido a a existência de alguma estrutura de aço( serra?, agulhão?), não como arma , o que alguns historiadores rejeitam, mas como ferramenta que por questão de definição de agora em diante chamarei de “quebra correntes”.
Mas voltando para o nosso objetivo, que é o de tentar retratar o Botafogo, iniciei uma pesquisa a procura de embarcações similares e com as mesmas formas e tonelagem daquelas desenhadas por Vermeyen e descritas nas crônicas.
A única informação que dispomos é que o Botafogo deslocava em torno de 1000 tonés e tinha em torno de 300 bocas de fogo que logicamente o cronista não soube explicitar, já que este número seria um absurdo mesmo para navios de linha do porte do HMS Victory. Então qual seria as suas dimensões? Fiz um ensaio me baseando na Nau santa Catarina do Monte Sinai de 800 tonéis, 38 metros de comprimento e 13 metros de boca. Supondo que tivesse o mesmo número de cobertas que o Botafogo.
Se usássemos as medidas de “comprimento e boca” numa figura quadrangular teríamos uma área de 494 m2 /800 tonéis na NSCMS. Por uma regra de três simples se ela tivesse 1000 tonéis esta área passaria a aproximadamente 617m2 que também deveria ser a área do Botafogo. Sabendo que nos galeões a proporção média comprimento/boca era de 4:1, podemos construir a seguinte equação: 4 x2 =617 , então x= 12,4 metros( aproximadamente).
Chegamos então a aproximadamente a uns 49 metros de comprimento e as uns 12,5 metros de boca. para o Botafogo. Por favor me corrijam os matemáticos.
Em posse das medidas aproximadas passamos a procurar por alguma embarcação contemporânea e com as formas aproximadas das desenhadas por Vermeyen. Mais uma vez fui ao Livro de Traças e Carpintaria. O desenho de Vermeyen nos mostra uma embarcação muito alongada, convés guarnecido de balaustrada , pequeno castelo de proa em dois níveis e longo castelo de popa com três níveis, quatro mastros mais gurupés. Encontrei um candidato a altura, o Pataxo de Guerra. Mas que fique claro que estou usando o pataxo apenas como plataforma.
Fiz alguns croquis que estou postando par a apreciação dos amigos.
Não tem Permissão para ver os ficheiros anexados nesta mensagem.
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora a fazer um novo fim."
(Chico Xavier)

http://i11.photobucket.com/albums/a165/ ... -p-1-2.jpg

Avatar do Utilizador
Genésio Machado Jr
Vice-Almirante
Vice-Almirante
Mensagens: 2017
Registado: segunda abr 02, 2007 1:58 am
Localização: NIterói - Rio de Janeiro - Brasil

Re: Galeão S. João Baptista

Mensagem por Genésio Machado Jr » sexta out 12, 2012 3:27 am

Segue aqui alguns avanços neste projeto.
Fiz um ensaio em 3d baseado na aquarela de Vermeyen e nos planos do pataxo de guerra.
Estou postando também um comparativo entre o Botafogo a Caravela Redonda e a NSCMS. Este galeão era realmente grande!
Não tem Permissão para ver os ficheiros anexados nesta mensagem.
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora a fazer um novo fim."
(Chico Xavier)

http://i11.photobucket.com/albums/a165/ ... -p-1-2.jpg

Avatar do Utilizador
Miguel Parente
Almirante
Almirante
Mensagens: 4388
Registado: quarta ago 30, 2006 3:46 pm
Localização: Penedo/Sintra
Contacto:

Re: O Galeão Botafogo ( por J. C. Vermeyen e col. )

Mensagem por Miguel Parente » quinta dez 20, 2012 11:15 pm

Novidades???

Avatar do Utilizador
Genésio Machado Jr
Vice-Almirante
Vice-Almirante
Mensagens: 2017
Registado: segunda abr 02, 2007 1:58 am
Localização: NIterói - Rio de Janeiro - Brasil

Re: O Galeão Botafogo ( por J. C. Vermeyen e col. )

Mensagem por Genésio Machado Jr » sexta dez 21, 2012 9:48 pm

Boas meu Professor! :neutral6:
Mas há quanto tempo, hein!
Andavas sumido?
Novidades???
Pois é, eu estou estudando uma estratégia de construção. Estou tentado a repetir a mesma técnica usada na NSCMS. Mas nesse modelo, se eu for fazê-lo 1:48, não colocarei os mastros, apenas uma insinuação destes, devido as grandes dimensões.
Mas vamos ver...

Saudações do amigo
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora a fazer um novo fim."
(Chico Xavier)

http://i11.photobucket.com/albums/a165/ ... -p-1-2.jpg

Avatar do Utilizador
Genésio Machado Jr
Vice-Almirante
Vice-Almirante
Mensagens: 2017
Registado: segunda abr 02, 2007 1:58 am
Localização: NIterói - Rio de Janeiro - Brasil

Re: O Galeão Botafogo ( retratado por J.C. Vermeyen )

Mensagem por Genésio Machado Jr » quarta jan 30, 2013 2:16 am

Boas pessoal
Com esse post estou efetivamente iniciando a construção do Botafogo.
Por enquanto só os primeiros riscos. Até o final da semana devo postar mais alguma coisa.
Não tem Permissão para ver os ficheiros anexados nesta mensagem.
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora a fazer um novo fim."
(Chico Xavier)

http://i11.photobucket.com/albums/a165/ ... -p-1-2.jpg

Avatar do Utilizador
AldoRamos
1º Tenente
1º Tenente
Mensagens: 188
Registado: quinta mai 06, 2010 7:33 pm
Localidade: Brasil
Localização: Balneario Camboriú - Brasil

Re: O Galeão Botafogo ( retratado por J.C. Vermeyen )

Mensagem por AldoRamos » quinta jan 31, 2013 6:09 pm

Meu amigo e mestre Genésio,

Como já disse antes, isto começou logo ao final da construção da NSCMS! :neutral10:
Então, tomo assento na primeira fila, não só para me deslumbrar com as maravilhas das tuas contruções, mas principalmente aprender contigo e com os mestres de plantão. :pesquisar:
Sei que terás algumas tarefas pessoais para executares antes, mas já me posto na assistência para nada perder em conhecimento e deslumbramento. :neutral7: :neutral7:
Bons ventos e força! :neutral3:
Aldo.
"De nada adianta o vento estar a favor se não se sabe pra onde virar o leme."(ditado popular)

Avatar do Utilizador
Genésio Machado Jr
Vice-Almirante
Vice-Almirante
Mensagens: 2017
Registado: segunda abr 02, 2007 1:58 am
Localização: NIterói - Rio de Janeiro - Brasil

Re: O Galeão Botafogo ( retratado por J.C. Vermeyen )

Mensagem por Genésio Machado Jr » sábado fev 09, 2013 2:18 am

Aldo
Valeu pelo comentário!!! :neutral10:
Segue aí mais alguns avanços.
Depois de transferir o desenho para o compensado, recortá-lo e montar as cavernas, cheguei a conclusão que cometi um erro no projeto e tive que refazer tudo do zero. Mas enfim aí está.
Não tem Permissão para ver os ficheiros anexados nesta mensagem.
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora a fazer um novo fim."
(Chico Xavier)

http://i11.photobucket.com/albums/a165/ ... -p-1-2.jpg

Avatar do Utilizador
Genésio Machado Jr
Vice-Almirante
Vice-Almirante
Mensagens: 2017
Registado: segunda abr 02, 2007 1:58 am
Localização: NIterói - Rio de Janeiro - Brasil

Re: O Galeão Botafogo ( retratado por J.C. Vermeyen )

Mensagem por Genésio Machado Jr » terça fev 19, 2013 2:49 am

Boas meus amigos
Seguem os novos avanços.
Recortei na circular as varetas para recobrimento
Preparei as cavernas lixando as arestas
Iniciei o recobrimento, utilizando cola branca e cianoacrilato.

Vejam:
Não tem Permissão para ver os ficheiros anexados nesta mensagem.
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora a fazer um novo fim."
(Chico Xavier)

http://i11.photobucket.com/albums/a165/ ... -p-1-2.jpg

Avatar do Utilizador
Genésio Machado Jr
Vice-Almirante
Vice-Almirante
Mensagens: 2017
Registado: segunda abr 02, 2007 1:58 am
Localização: NIterói - Rio de Janeiro - Brasil

Re: O Galeão Botafogo ( retratado por J.C. Vermeyen )

Mensagem por Genésio Machado Jr » terça fev 26, 2013 11:27 pm

Seguem aí mais algumas etapas da primeira forração.
Não tem Permissão para ver os ficheiros anexados nesta mensagem.
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora a fazer um novo fim."
(Chico Xavier)

http://i11.photobucket.com/albums/a165/ ... -p-1-2.jpg

Responder